O ABC prossegue hoje (17 h) no Parque de Exposição de Braga a sua marcha na Liga dos Campeões, tendo pela frente a turma romena do Dínamo Bucareste, em jogo fulcral quanto à questão das contas do Grupo D, que cumpre a sua 4ª jornada. E Humberto Gomes sabe que só um resultado interessa: "Para ultrapassarmos a fase de grupos é obrigatório vencer os jogos em casa", considerou o experiente guarda-redes dos campeões nacionais, já com duas taças Challenge conquistadas pelo Sporting (2010) e ABC (2016).

O conjunto de Braga está bem informado. "Tivemos acesso aos três jogos anteriores do adversário, todos muito bem analisados. Sabemos as nossas armas, pelo que vamos jogar em velocidade e tentar melhorar na defesa. Apesar de não jogarmos no nosso espaço físico do Flávio Sá Leite, a moldura humana vai ajudar-nos e espero que seja em grande número", apelou Humberto Gomes.

Carlos Resende, treinador do ABC, fez o trabalho de casa: "Por aquilo que vimos, as seis equipas do Grupo D têm uma qualidade semelhante. Quanto ao Dínamo, tem como armas uma primeira linha muito forte, com os seus jogadores a demonstrarem capacidade de finalização no tiro exterior. Mas, de certo modo, é um jogo que se adapta à nossa defesa bastante agressiva, que deve ser compacta, e dinâmica a sair aos atiradores."

No Grupo A, destaque para a viagem até à Dinamarca do Wisla Plock, onde jogam Tiago Rocha e Gilberto Duarte. A turma polaca defronta o Bjerringbro, em Silkeborg.


Autor: Alexandre Reis