Será o próprio Lionel Messi a decidir, ao fim da manhã, se estará em condições de alinhar de início pelo Barcelona no embate com o Deportivo, para a 8ª jornada da liga – que abriu ontem com um nulo entre Las Palmas e Espanyol. Quem o garantiu, sem receios, foi o treinador do conjunto catalão. "Vou falar com ele amanhã [hoje] mas em princípio está disponível para jogar", adiantou Luis Enrique, ontem, em conversa com os jornalistas. "Quando regressas de uma lesão, precisas de minutos. Veremos que papel terá neste jogo", acrescentou o técnico.

O argentino esteve de baixa três semanas, mas já treinou sem limitações com os companheiros nos últimos dias. Ainda assim, a sua inclusão de início frente ao Deportivo é ainda uma incógnita. Os dois sabem que o Barcelona não está em condições de perder terreno para a concorrência (é 4º classificado, a dois pontos At. Madrid e Real), mas, também, que a época é longa e os riscos de uma recaída devem ser ponderados. Luis Enrique, por outro lado, não abriu o jogo quanto à eventual utilização de Aleix Vidal no lugar do lesionado Sergi Roberto. "Não quero dar muitas informações ao treinador do Deportivo", lembrou o técnico.