Hulk voltou a abordar a sua saída do FC Porto, sublinhando, em entrevista ao "Globoesporte", que foi para a Rússia em busca de novas conquistas, depois de ter ganho quase tudo ao serviço dos dragões.

"Fui para o Zenit porque, depois de conquistar 11 títulos pelo FC Porto, estava na hora de novos desafios. Vou agora atrás de novas conquistas", referiu o internacional brasileiro, que pretende continuar a ser chamado ao escrete, mesmo após a saída de Mano Menezes.

"Espero continuar a ter hipóteses na seleção e poder mostrar ao Felipão que posso ser importante. Falei com ele noutras ocasiões e sempre me tratou bem. Além disto, conheço muitos amigos que trabalharam com ele e todos o elogiaram muito. Quero ter esta oportunidade agora", vincou.