As empresas especialistas em estatísticas apontaram o encontro com o Liverpool como tendo sido o duelo do Manchester United com a mais baixa percentagem de posse de bola dos últimos 13 anos, com apenas 35%. Contudo, depois da conferência de imprensa na qual foi questionado precisamente em relação a esse dado, o técnico português resolveu voltar atrás e dirigir-se diretamente ao jornalista que lhe fizera a pergunta, refutando tal estatística.

Segundo relatos de jornalistas presentes, o treinador português revelou que, nas estatísticas recolhidas pelo seu especialista, os red devils tiveram, afinal, 42%...



Autor: Fábio Lima