Marvin Zeegelaar vai ser o lateral-esquerdo do Sporting frente ao Borussia Dortmund. O holandês já tinha sido poupado ao esforço frente ao Famalicão; a lesão de Jefferson, contraída no mesmo jogo, confirmou o que o Jesus já ponderava: devolver a titularidade a Zeegelaar.

Este lateral-esquerdo foi titular em apenas quatro dos dez jogos realizados pelo Sporting, entre Liga (7), Champions (2) e Taça de Portugal (1). Bruno César tem sido o seu principal concorrente, embora Jefferson tenha recomeçado a ser opção mais regular. Dono da posição na segunda metade da época passada, Zeegelaar acabou por não conseguir transpor para esta temporada o estatuto de primeira opção.

Confiança de Jesus

As dificuldades no capítulo defensivo, explicadas em parte por não ser um lateral de raiz, custaram-lhe o lugar depois de uma pré-temporada marcada por erros capitais em alguns jogos. No entanto, Zeegelaar nunca deixou de merecer a confiança de Jesus. Apesar de ter manifestado junto da SAD a necessidade de contratar mais um defesa-esquerdo, o treinador acredita que Zeegelaar pode ser solução firme. Daí que o tenha lançado como titular em jogos de crucial importância como com FC Porto, em Alvalade, e Real Madrid, no Bernabéu - também foi titular na vitória em Paços de Ferreira (1-0) e no empate em Guimarães (3-3).

Em Famalicão, foi convocado mas não se equipou, assistindo ao jogo na bancada (ao lado de Rui Patrício), poupando forças para o regresso à Liga dos Campeões. 


Autores: Alexandre Carvalho e António Adão Farias