O Legia Varsóvia despediu o treinador Besnik Hasi depois de apenas três meses à frente do emblema polaco. Os maus resultados, que colocam o campeão polaco em antepenúltimo lugar do campeonato, estão na base da decisão.

Na curta aventura do treinador albanês na capital polaca, Hasi conseguiu duas vitórias, três empates e quatro derrotas em nove jogos, sendo a derrota em casa contra o Zaglebie Lubin por 3-1 a gota de água para a direção do Legia.

Na Europa, o treinador de 44 anos conseguiu levar o Legia à fase de grupos da Liga dos Campeões, sendo que não havia um clube polaco nesta fase da liga milionária há 20 anos.


O Legia Varsóvia, adversário do Sporting na próxima jornada da Liga dos Campeões (encontro agendado para dia 27), perdeu o primeiro jogo do grupo F em casa frente ao Borussia Dortmund por 6-0 e pode sofrer sanções da UEFA devido a desacatos nas bancadas.

Por agora, a equipa será orientada por Aleksandar Vukovic, treinador-adjunto de Besnik Hasi.