18h55 - Comentário: Apesar de nunca ter abdicado de jogar com um futebol apoiado, até perto da grande área contrária, a AD Oliveirense não teve argumentos físicos e técnicos para conseguir contrariar a postura de gestão que os arsenalistas assumiram após o descanso.

A equipa de José Peseiro cumpriu a sua obrigação, vencendo e assegurando uma vaga na 4.ª eliminatória da Taça de Portugal. A AD Oliveirense regressa na próxima temporada.

Os bracarenses viram agora as suas atenções para o encontro de quinta-feira, da Liga Europa, frente ao Konyaspor. Um encontro que poderá acompanhar ao minuto no seu site favorito de desporto (http://www.record.xl.pt/)

Esperamos contar uma vez mais com a sua preferência.

Obrigado e até breve.


18h50 - O juiz da partida apita para o final.

90+3' - GOOOOOOLLLOOOO! A AD Oliveirense consegue o golo de honra, por intermédio de Vítor Hugo, com um vistoso chapéu a Marafona, após um deslize de Velázquez.

90+1' - Tomás Martínez acerta com estrondo no poste, após um cruzamento para a área em que o esférico sofreu diversos ressaltos ressaltos. Azar para o jogador do Sp. Braga.

90' - Luís Godinho dá mais 3 minutos.

87' - José Peseiro realiza uma dupla substituição. Saem Wilson Eduardo e Pedro Santos. Entram Luís Aguiar e Osuchukwu

86' - Diagonal de Wilson Eduardo, concluída com remate forte à figura de Rui Faria.

84' - GOOOOOLLLOOOOO! Pedro Santos bisa e acaba com as dúvidas - se é que elas ainda existiam - de quem segue para a 4.ª eliminatória da Taça de Portugal. Remate cruzado à entrada da área sem hipóteses para Rui Faria.

81' - O encontro está decidido, mas a AD Oliveirense não se rende. Remate rasteiro de Dibola... ao lado.

76' - Livre cobrado por James, em posição frontal, a obrigar Marafona a defesa apertada para canto.

73' - Substituição no Sp. Braga. Sai Rui Fonte. Entra Tomás Martínez.

71' - Wilson Eduardo remata, de primeira, após cruzamento de Pedro Santos. Canto favorável ao Sp. Braga.

67' - Responde a AD Oliveirense, com um tiro de João Rodrigues, para voo de Marafona. Defesa apertada para canto

67' - Cartão amarelo para Baiano.

66' - Tiba tenta acordardar os espetadores. Disparo à entrada da área, muito por cima, longe do alvo.

62' - Alexandre Ribeiro esgota a última substituição. Sai Neves. Entra Dibola. José Peseiro ainda não mexeu.

60' - Saída em falso de Marafona, mas o desvio de cabeça de Jacob encontrou o corpo do guardião no caminho e acabou por sair pela linha de fundo.

59' - Substituição na AD Oliveirense. Sai Fininho. Entra Jorginho.

50' - Djavan a resolver sob pressão. Entre dois adversários, o lateral-esquerdo consegue aliviar o perigo para longe da baliza de Marafona.

47' - Sp. Braga próximo do terceiro golo. Cabeceamento de Stojiljkovic, que Rui Faria defendeu com uma palmada, por instinto.

18h02 - Início da 2.ª parte. As equipas regressam sem alterações.

17h46 - Intervalo. Todos para o balneário, com a equipa de José Peseiro a justificar a vantagem. Ascendente arsenalista materializado nos golos de Pedro Santos e Rui Fonte perante uma AD Oliveirense com um bloco demasiado baixo para incomodar Marafona, mas sempre a privilegiar um desdobramento com futebol apoiado.

45' - Juiz eborense dá 1 minuto para compensar o tempo perdido.

43' - Emenda de Rui Fonte, por cima da barra, após defesa incompleta de Rui Faria.

38' - GOOOOLLLOOO! Este contou. Rui Fonte dilata a vantagem do Sp. Braga no marcador. Sequência de tabelas, ao primeiro toque, pelo corredor central com o último passe de Stojiljkovic a isolar Rui Fonte e o avançado a escolher o melhor lado perante o desamparado Rui Faria.

35' - Golo anulado a AD Oliveirense, na sequência de um pontapé de canto. Luís Godinho considerou que Vítor Hugo cometeu falta sobre um defensor antes de cabecear. 

30' - Remate de Wilson Eduardo em posição frontal, à entrada da área, muito por alto. A bola sai por cima da barra.

27' - Substituição na AD Oliveirense. Sai o autor do penálti, Filipe Sousa. Entra Paulinho.

26' - Lance individual de Wilson Eduardo concluído com remate muito por cima da barra da baliza da AD Oliveirense.

24' - Falta sofrida por Djavan no limite da grande área da Oliveirense! Perigo para a baliza de Rui Faria.

23' - Primeiro sinal de reação da AD Oliveirense. Livre direto, em balão, batido por Fininho para as mãos de Marafona.

17' - GOOOOOOLLLOOOOO! Chamado a conveter, Pedro Santos não desperdiçou e colocou o Sp. Braga na frente do marcador.

16' - Penálti favorável ao Sp. Braga, por derrube de Filipe Sousa a Pedro Santos, no interior da área da AD Oliveirense. Luís Godinho não hesitou a apontar para a marca do castigo máximo.

11' - Na sequência de um canto, desvio subtil, de cabeça, de Velázquez, fraco e à figura de Rui Faria.

8' - Xeka quer mostrar serviço, ensaia o remate de longa distância, mas o disparo sai à figura do guardião da AD Oliveirense.

5' - Remate cruzado de Wilson Eduardo, com defesa apertada de Rui Faria para canto.

3' - Na transformação do livre direto, cobrado por Pedro Santos, Stojiljkovic cabeceia à trave da baliza de Rui Faria.

2' - Cartão amarelo para Miguel Pedro.

17h00 - Início da partida.

16h58 - Os suplentes da Oliveirense são André Fonseca, Paulinho, Jorginho, iBola, Kingsley, Bruno e Laminé.

16h57 - Peseiro tem ainda no banco Tiago Sá, Hassan, Martínez, Luís Aguiar, Alan, Mauro e Osuchukwo.

16h56 - A AD Oliveirense vai alinhar com Rui Faria, Filipe Sousa, Manuel Pedro, Nelson Sampaio, André Pereira, Jacob, Neves, James, Fininho, Vítor Hugo e João Rodrigues.

16h45 - A partida vai ser dirigida pelo árbitro Luís Godinho, de Évora.

16h43 - De destacar a presença de Xeka, jovem médio da equipa B do Sp. Braga, num onze que, em termos gerais, não difere muito daquele que é habitualmente utilizado pelos guerreiros do Minho. Sinal de respeito pelo opositor.

16h38 - Para o embate com a Associação Desportiva Oliveirense, José Peseiro escalou: Marafona; Baiano, Rosic, Velázquez e Djavan; Tiba e Xeka; Wilson Eduardo, Rui Fonte e Pedro Santos; Stojiljkovic. 

16h37 - Já é conhecido o onze do Sp. Braga.

Quanto ao conjunto da Série A do Campeonato de Portugal, o discurso é de otimismo e termos como "galvanizados" fazem parte do discurso de Alexandre Ribeiro, um técnico que quer "atacar os pontos menos fortes do Sp. Braga".

"A AD Oliveirense não tem nada a perder, mas sim tudo a ganhar", recorda o treinador finalista da Taça de Portugal, na última temporada, então no FC Porto, derrota pela sua atual equipa. Um feito que quer repetir, mas para isso é necessário começar já a afastar adversários. E o primeiro é a AD Oliveirense.

O técnico bracarense nega que a proximidade do encontro da Liga Europa, com o Konyaspor, leve a que os seus jogadores encarem esta curta viagem a Famalicão - terreno emprestado da Oliveirense - como um passeio, um mero cumprir de calendário.

José Peseiro recusa a ideia de que o Sp. Braga tem lugar assegurado na próxima ronda da Taça de Portugal, apesar das fragilidades do adversário que lhe calhou em sorte nesta 3.ª eliminatória, a Associação Desportiva Oliveirense.

Autores: João Lopes e Pedro Malacó