O FC Porto venceu ontem o Club Brugge por 2-1 em jogo da 3.ª jornada do Grupo G da Liga dos Campeões com um golo ao cair do pano aos 90+3' apontado por André Silva (penálti). Ora, na edição desta quarta-feira da "Dragões Diário", o jogo da Champions foi alvo de destaque, de uma forma, no mínimo, original.

"Um pai de família vai para casa após um extenuante dia de trabalho. O elevador está avariado e amaldiçoa a vida, mas sobe nove penosos andares pelas escadas. Entra em casa e quando se prepara para descansar um pouco ouve gritos 'fogo, fogo'. Corre, pega nas crianças e desce a correr os nove andares que pouco tempo antes subira em esforço e salva-se a ele e aos flhos. Somos sempre capazes de um último esforço. E foi com um último esforço que o FC Porto conseguiu vencer o Club Brugge, por 2-1, depois de começar a perder e de quase nada correr bem à equipa. Layún empatou com um grande remate e André Silva converteu com nervos de aço um penálti indiscutível sobre Corona no terceiro minuto de descontos. Vale sempre a pena um último esforço", pode ler-se no primeiro parágrafo da newsletter diária do FC Porto.

Autor: Sofia Lobato