Rui Vitória está a um curto passo de igualar mais um registo histórico no Benfica. Se a sua equipa vencer o Chaves, no sábado, soma o 15º triunfo consecutivo fora de casa em jogos relativos ao campeonato, um feito ainda só alcançado por Jimmy Hagan, entre 16 de abril de 1972 e 1 de abril de 1973, quando viu a sua série interrompida por uma igualdade a dois golos, frente ao FC Porto, no Estádio das Antas. Nessa época, recorde-se, o Benfica foi campeão sem derrotas.

O percurso do atual treinador dos encarnados começou no início do ano, em Guimarães, quando as águias alcançaram um importante triunfo, fruto de um golo solitário apontado por Renato Sanches. Desde então conseguiram mais 13 vitórias frente a Nacional (4-1), Estoril (2-1), Moreirense (4-1), Belenenses (5-0), P. Ferreira (3-1), Sporting (1-0), Boavista (1-0), Académica (2-1), Rio Ave (1-0), Marítimo (2-0), Tondela (2-0), Nacional (3-1) e Arouca (2-1). Segue-se agora a deslocação ao reduto transmontano, onde os tricampeões nacionais, curiosamente, vão enfrentar a outra equipa do campeonato que ainda não regista quaisquer derrotas ao final da quinta jornada.

Caso consiga igualar o feito do treinador inglês que já dura há 43 anos, o responsável técnico do Benfica terá a possibilidade de bater este recorde na oitava jornada, quando as águias se deslocarem ao Restelo.