O mercado de inverno ainda não abriu mas Jorge Jesus já garantiu o primeiro reforço: Pablo Aimar. O internacional argentino está recuperado dos problemas físicos que o afetaram na primeira fase da época e, hoje, já deve treinar-se integrado no plantel encarnado.

O internacional argentino, de 33 anos, jogou pela última vez no dia de 2 outubro, frente ao Barcelona, para a Liga dos Campeões. Desde então não voltou a entrar nas opções da equipa técnica devido a uma lesão no tendão de Aquiles que foi seguida de uma nova mazela muscular. Durante o período de férias de Natal que passou n Argentina, numa entrevista, o camisola 10 lamentou os problemas físicos que o afetaram, mas garantiu que o período mais complicado foi ultrapassado.

Convém sublinhar que Aimar, tal como todos os outros jogadores do Benfica, levou para as férias um plano de trabalho específico, de forma a apresentar-se, hoje, nas melhores condições tendo em vista o jogo com o Moreirense, agendado para domingo.

Com cautela

A reintegração de Aimar não deixa de ser uma boa notícia para o treinador do Benfica, mas o seu regresso à competição vai ser acompanhado com toda a cautela dado o passado clínico do futebolista. Sem competir há praticamente três meses, El Mago tem agora de recuperar os índices físicos e começar a ganhar o ritmo de jogo que entretanto perdeu.

Como é natural os responsáveis encarnados gostavam de contar com o sul-americano nas melhores condições para o jogo com o FC Porto, na Luz, que será disputado no dia 12 ou 13 de janeiro. É certo que até ao momento JJ tem conseguido fazer esquecer a ausência do seu mais prestigiado médio-ofensivo mas, no clássico, um futebolista com experiência e qualidade técnica de Aimar pode revelar-se decisivo.

Até receber os dragões o Benfica vai defrontar o Moreirense (Taça da Liga), D. Aves (Taça de Portugal), Estoril (Campeonato) e Académica (Taça da Liga). Dado o elevado número de encontros que as águias têm pela frente Jesus vai ver-se obrigado a rodar jogadores, uma solução que é positiva para Aimar que poderá assim regressar à competição de forma gradual, sem qualquer tipo de pressão.

Lesionados reavaliados

• A recuperação de Aimar é um boa notícia que ainda pode reforçada com as reintegrações de Luisão e Carlos Martins. Os dois jogadores, tal como o argentino, trabalharam durante as férias e hoje vão ser reavaliados. Se as melhores previsões de confirmarem vão participar no treino.

Continuidade ainda por definir

• Aimar termina no contrato no final e não descarta a possibilidade de prolongar o seu vínculo pois, como confirmou na Argentina, continua “feliz no Benfica”, e a sua família já está adaptada a Portugal. Já a SAD vai analisar o processo com todo o cuidado pois o camisola 10 é um dos jogadores com o salário mais elevado, e a ordem é para baixar os custos.


Temas