A Seleção Nacional de futebol feminino começou esta segunda-feira a preparar o playoff de apuramento rumo ao Campeonato da Europa, que se realiza na Holanda em 2017. O primeiro duelo com a Roménia está agendado para sexta-feira no Restelo (18h45, com entrada gratuita) e o segundo dia 25 em Cluj.

Uma das jogadoras eleitas pelo selecionador Francisco Neto para estes duelos históricos é Sílvia Rebelo. A defesa-central do Sp. Braga, de 27 anos, reconhece que ter alcançadopela primeira vez este playoff dá mais responsabilidade à formação das quinas.

"Atingimos um patamar elevado, mas a responsabilidade também vai aumentando. Qualquer jogadora queria estar no lugar onde estamos e somos nós as privilegiadas por estar aqui. Não quereremos deixar fugir um pássaro que temos na mão", referiu pouco depois da concentração.

"As duas ultimas vitórias foram importantes, mas se não dermos continuidade ao trabalho, esses resultados positivos ficam para trás e as pessoas já nem vão lembrar-se", sublinhou, referindo que pela frente vão ter um opositor de valor.

"A Roménia tem uma equipa muito agressiva e vai querer ganhar, tal como nós. Já jogámos com elas pelas Sub-19, por isso este estágio vai servir para estudarmos bem o adversário", referiu, apelando à presença de adeptos a puxar por elas no Restelo: "O público é importante. Esperamos que na sexta esse apoio continue."


Autor: Cláudia Marques