A 'France Football' anunciou esta segunda-feira algumas alterações no sistema de atribuição da Bola de Ouro. Recorde-se que o prémio vai voltar a ser atribuído exclusivamente pela revista francesa, terminada a parceria com a FIFA.

Assim, o vencedor será eleito por jornalistas de todo o Mundo, deixando de fora capitães e selecionadores na votação. Além disso, há outras três novidades.

A primeira prende-se com o número de finalistas na corrida ao prémio: passa de 23 a 30 jogadores. Outra alteração dita o fim do anúncio dos três finalistas. Serão 30 até à divulgação do prémio. Também a data de atribuição do galardão foi mudada, tendo agora de ser agendada para antes do final do ano.

Autor: Luís Miroto Simões