Sem perder há cinco jogos, o Benfica B está bem e recomenda-se. Como se não bastasse, a formação encarnada ainda vai receber ‘reforços’ da equipa principal para o duelo com o Leixões. Falamos do sérvio Luka Jovic e do croata Branimir Kalaica, com o avançado a ser a principal surpresa. Aos 18 anos, Jovic, que trabalha habitualmente às ordens de Rui Vitória, dá um passo atrás – também depois de recuperar de lesão – para ganhar ritmo precioso de jogo, tal como aconteceu na época passada: em seis jogos marcou dois golos.

Já Kalaica chega para fazer companhia a Rúben Dias, tal como havia feito na receção ao Ac. Viseu (2-1). O croata, igualmente de 18 anos, procura evoluir para, no futuro, tentar conquistar um lugar no onze da equipa principal das águias.

E a verdade é que a formação orientada por Hélder Cristóvão está num bom momento, algo que o técnico destaca. "O Benfica tem de assumir o jogo. Jogamos em casa e atravessamos um bom momento. Sentimo-nos mais confortáveis quando assumimos o controlo, quando temos mais bola e conseguimos instalar-nos no meio-campo contrário", disse o técnico, de 45 anos, ao site do clube, antes de garantir que espera um Leixões com uma "estrutura forte".


Triunfo na mira

O Leixões procura ainda a primeira vitória fora de casa nesta edição da 2ª Liga. A equipa orientada por Filipe Coelho tarda em afirmar-se – apenas venceu em casa frente ao Varzim – e pretende garantir o regresso aos triunfos para subir alguns lugares na tabela classificativa.

Autor: Pedro Gonçalo Pinto